Circuito Radical Não É Playground

Foto: Correio Central

Fala meus amigos, tudo bereuza com vocês?

Vou comentar aqui sobre um assunto recorrente no nosso bosque municipal e conhecido por todos os frequentados do local. E principalmente, um incômodo para quem pratica esportes radicais, como skate, patins, bike, etc.
Como todos sabem, o espaço do bosque municipal foi transformado em uma praça pública praticamente, e várias construções foram feitas, destacando aqui o playground infantil do suicídio, quadras de areia, um campo sintético, bancos e mesas embaixo de uma cobertura de madeira desnecessária que se chover molha tudo, quiosques que servem de dormitório para moradores de rua e o circuito nescau radical para skatistas, patinistas e bikers.

Mas acontece que as crianças tem um mal costume que veio de seus pais que brincavam no antigo ralf de brincar no circuito para esportes radicais. E isso é muito perigoso, justamente por se tratar de um lugar onde os esportistas trafegam em alta velocidade para fazer suas manobras. Nisso as crianças correm o risco incentivados por seus pais de serem atropelados gravemente.

Eu já presenciei cenas de skatistas que pediam para os pais retirarem suas crianças dali para que eles pudessem usar todo o circuito, mas numa atitude muito adulta e responsável os pais respondiam “Eu cheguei primeiro”.

Mas acontece que o playground infantil fica a poucos metros dali. Lá tem gangorra, balanço, um castelinho do suicídio, areia cheia de micróbios e coco de cachorro e outras coisas de criança. Ou é só isso, nem lembro.

O que acontece é que não tem um supervisor daquele recinto para alertar os pais de que seus filho não podem ficar ali porque NÃO É LUGAR DE CRIANÇAAA. Pelo menos assim os pais respeitariam uma autoridade que está designada para colocar cada coisa no seu lugar.

Mas também não culpo os pais por não usarem o parquinho, pois como eu disse ali em cima, animais transitam por ali e nisso a prefeitura não pensou.

Mas enfim, pelo bem das crianças e a paz entre os povos, a prefeitura deveria reforçar que o CIRCUITO RADICAL É PARA ESPORTES RADICAIS e não para crianças catarrentas escorregarem, baterem a boca e sangrarem.

E é isso. Comente aí embaixo e deixe sua opinião.

Obrigado por ler.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s